sexta-feira, 10 de setembro de 2010

PARTITURA ILUMINADA


Sinto
E aos poucos nos compomos
Como uma partitura ensolarada
Que no pasto estica as notas para secar.
Ação, cor, cumplicidade,
Seus dedos ganos
Grandes
Consolam meus olhos
Inundam minha boca
Eriçam os lençóis para deitar,
E deito inteira em suas carnes negras,
maturadas
E só então me sinto iluminar...

Suzy Dayse Vasconcelos Bezerra
Set/2010


Caríssimos,
A poesia é assim, um raio de sol que vivifica nossa vida, que cria em nós possibilidades. Que revigora o olhar, livrando-nos da mediocridade cotidiana que nos açoita. A literatura redime os tristes espetáculos humanos. Pela poesia que ilumina minhas veias desde a adolescência é que sinto minha vida mais feliz, completa e humana.

Abraços poéticos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fazendo Letras

Este espaço virtual conta com a contribução de professores e acadêmicos do Curso de Letras da FSLF. Contudo, dispostos a prestar um bom serviço para toda a comunidade ligada ao nosso curso, acolheremos as contribuições externas como muito boas vindas. Enviem suas matérias, divulguem seus projetos, trabalhos, pesquisas, análises e comentários sobre obras literárias, informações sobre estágios e concursos e tudo que possa ser compartilhado entre acadêmicos e profissionais do Curso de Letras. Aguardamos material. Um abraço.

Cadastre seu e-mail para receber informações

Sobre os Direitos Autorais

Em obediência à Lei 9.610/98 (Lei de Direitos Autorais), qualquer informação deste BLOG poderá ser reproduzida desde que citada a fonte. Quem assim não o fizer, poderá ser penalizado de acordo com o artigo 184 do CÓDIGO DE PROCESSO PENAL em vigência.